domingo, 22 de março de 2015

Fim do blog

Amigos, venho aqui informar que estou encerrando as atividades do blog, passei a semana toda pensando a respeito disso, se deveria ou não encerrar as atividades do blog e cheguei à conclusão que vou encerrar mesmo, faz muito tempo que venho observando algumas coisas ligadas ao futebol que não condizem com alguns princípios morais que tenho e acabam me chateando, são brigas de torcida, uma idolatria aos jogadores, corrupção entre dirigentes, todo o ambiente que os jogadores promovem com coisas fúteis e promiscuidade, milhões e milhões para comprar um homem e salários exorbitantes, entre outras coisas mais complexas. Eu sei que nós do Futebol de Botão, fazemos uma brincadeira pura, que não tem nada dessas coisas, por essa razão, foi difícil pra mim tomar essa decisão, porque eu não vejo mal no que fazemos, mas quando eu faço um time de futebol de botão, eu estou promovendo os times, e lembrando de todas essas coisas sujas que o ambiente do futebol tem, e muitas vezes pra fazer um time, eu sou obrigado a assistir os jogos e procurar imagens na internet e acabo vendo coisas que me chateiam. Eu peço desculpas à todos vocês, e agradeço por todo o tempo que passamos juntos aqui no blog, não escrevi esse texto para acusá-los, dizendo que vocês estão errados em acompanhar futebol, estou apenas me justificando, pois não consigo mais aliar o futebol aos meus princípios morais. Um grande abraço à todos vocês, vou deixar o blog ativo para que todos vejam essa mensagem, depois irei excluir o blog, fiquem com Deus amigos, em breve estarei começando um novo projeto, se vocês quiserem ainda podem me acompanhar, não tem nada ligado ao futebol, mas vou procurar falar um pouco do nosso Deus. Esse vídeo me ajudou a refletir um pouco sobre o futebol, se tiverem um tempo, assistam, estou apenas compartilhando algo que me ajudou a enxergar as coisas com outros olhos :)


5 comentários:

  1. É uma pena você pára por isso, o mundo do futebol de botão é diferente e nada disso entra em campo. Mas siga na fé!

    ResponderExcluir
  2. Olá William, entendo sua indignação e consternação em relação ao ambiente do Futebol Profissional. Já a alguns anos venho estudando o Futebol como Fenômeno cultural, midiático, econômico, e principalmente social. E assim como todos os aspectos da vida humana, o Futebol sofre dos mesmos problemas que tantos outros fenômenos que o ser humano interage.Mas o diferencial do Futebol é que, como esporte, ele tem possui um aspecto lúdico e quando esse aspecto lúdico prepondera, os outros são deixados de lado por quem o pratica. Nesse ínterim, tento separar esses aspectos e foco apenas no caráter lúdico do esporte e como ele envolve todos que o admiram como ESPORTE. Sou religioso e também outras prioridades mais importantes que o futebol e o futmesa. Espero que consiga encontrar o equilíbrio, pois é um fator fundamental para encontrarmos o contentamento.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito bacana a sua análise Prof. Sandes, chegando no equilíbrio conseguimos separa o joio do trigo. Voltei a jogar futebol de botão ano passado, tudo isso depois de 12 anos e sabe por que voltei?! Por existir esses blog a exemplo do Flávio Xavier(meus times de botão) Maurício Araujo (design de botão) Marcos VP (escudinhos), Bruno Ferreira (artfumesa) esse blog aqui, o seu blog também, Sandes! Vocês são a mola mestra do futebol de mesa, não vocês essa magia com certeza tende a acabar, mas cada um sabe de suas circunstâncias!

      Excluir
  3. Thank you for writing so interesting blog.


    Affinity can play together, I hope RS Gold you can play runescape together.

    ResponderExcluir
  4. Olá.
    É pena.Aprecio o seu trabalho e encontro nele gosto e diversão.
    Nada contra a sua opção. Mas lamento. Se todas as pessoas que amam o futebol o deixassem este mundo iria ser pior ainda. Os "maus" do futebol, se não o seguissem, escolheriam outros alvos e também não seria bom. Assim vejo também no futebol uma peça fundamental no equilíbrio da sociedade.
    Com um grande abraço.
    Joaquim Novais, de Porto - Portugal

    ResponderExcluir